Profissão VM – parte II

profissao-vm-wvc

No post anterior falamos um pouquinho do cenário da profissão, mas faltou responder a uma perguntinha: mas, afinal de contas, o que (e como) faz esse tal de visual merchandiser?
Então, vamos lá!
Para começarmos é importante saber que é uma profissão reconhecida e faz parte do CBO – Classificação Brasileira de Ocupações do Ministério do Trabalho e Emprego – de acordo a descrição abaixo:
3751 :: Designers de interiores, de vitrines e visual merchandiser e afins (nível médio)
3751-15 :: Visual Merchandiser

“Projetam e executam soluções para espaços internos residenciais, comerciais, industriais visando a estética, o bem-estar e o conforto. Criam e projetam vitrines, ambientes comerciais, industriais e de eventos que destaquem e valorizem o produto; projetam programações visuais com os objetivos de estimular o consumo de produtos e de informar o consumidor”.

De um ponto de vista menos pragmático, gosto bastante de uma frase do Tony Morgan que diz o seguinte:

“O papel do visual merchandiser é aumentar as vendas: primeiro atraindo os consumidores para dentro da loja através da força da vitrine, e então por meio da exposição e da coordenação, que precisa encorajá-los a permanecer na loja, comprar e ter uma experiência de compra positiva que os faça voltar”.

Ou seja, o VM está envolvido em todo processo de experiência do shopper, desde o impacto causado pela vitrine, passando pela compreensão do produto exposto na loja até a postura do vendedor na finalização da venda. Por isso este profissional é (ou precisa ser) flexível e multidisciplinar.
Ser criativo é importante, mas sem deixar o faro comercial de lado. Vitrine ou exposição “bonita” mas que não atrai o cliente pra dentro da loja ou que ninguém “mexe”, não significa um VM eficaz, muito pelo contrário. É preciso estudar os números e o comportamento do consumidor para atingir os melhores resultados, por que afinal esse é o objetivo: Vender Mais!
Também é importante ter conhecimento das ultimas tendências, não só das de moda, mas também das de comportamento. Aquelas são pré-requisito básico, estas vão te ajudar a agir de maneira mais estratégica uma vez que as mudanças sociais vão influenciar como as pessoas compram.
Atenção aos detalhes e habilidades manuais também são características bem vindas. DETALHE é uma palavra chave porque, sim, aquele alfinete mal colocado no look do canto pode estragar sua vitrine. É preciso ter muita disposição para instalar cenários, focar lâmpadas, subir e descer escadas o tempo todo, até tirar o pó da arara se for necessário, mas por outro lado é fundamental ter delicadeza e cuidado para manusear o produto.
Sem falar no bom relacionamento e da capacidade de trabalhar em equipe. Nunca vi um VM que trabalhasse sozinho, tem sempre alguém em volta, dando palpite participando do processo de criação ou acompanhando a execução. Apesar de ser um trabalho de “bastidores” é uma atividade essencialmente realizada em grupo e por isso é preciso desenvolver competências de relacionamento.

Ufa! Parece complexo, né?! Mas a boa noticia é que existem funções dentro da área que exigem mais ou menos determinadas habilidades. Avalie a que mais combina com você!

competencias-vm

Asas a imaginação
Se você gosta mais de criar, pesquisar e é plugado em tudo que acontece no mercado, talvez você se encaixe melhor na criação, elaborando projetos para vitrine, novos display e mobiliário. Esse perfil de profissional geralmente trabalha parte do seu tempo no escritório, parte em campo (visitando lojas, pesquisando concorrência e etc.) e, por isso, costuma estar em posições de coordenação e gerencia. Ah! E se você se identifica com esse perfil mas não tem nenhuma aptidão com programas gráficos para ilustrar suas ideias, fique tranquilo (a) porque você sempre pode contar com a colaboração de um bom designer!

Fashion lover!
Se você é super antenado, adora uma boa produção de moda e conhece o perfil do consumidor como ninguém, você provavelmente é o cara da linha de frente. Ou seja, aquela pessoa que é responsável por coordenar a coleção no ponto de venda, editar os looks da vitrine e dos manequins internos, elaborar exposições criativas e sugerir novas formas do consumidor usar o produto. Mas fique atento, esse profissional, em geral (principalmente fora dos magazines), não tem muita rotina; está cada dia em um lugar e costuma viajar muito para atender outras praças (regiões). Esteja consciente disso na hora de escolher a profissão! E não se deslumbre, apesar da função estar muito relacionada à moda e à imagem o glamour passa longe (ok, vai… às vezes ele chega perto)! Carregar peso, estragar as unhas e sujar a roupa faz parte do dia a dia.

Cada coisa no seu lugar
Você é super organizado, adora um planejamento e sabe aonde encontra as melhores oportunidades de negócio? Você pode se dar muito bem na produção executiva. Um departamento de VM precisa de uma pessoa mais “pé no chão” que conheça os processos de produção de materiais (principalmente para vitrine), que saiba aonde encontrar os melhores fornecedores e que tenha um bom relacionamento e uma boa capacidade de negociação. Afinal as verbas, via de regra, são sempre bem enxutas e é preciso fazer o máximo com o mínimo.

Os formatos de trabalho e contratação são variados. Grandes redes varejistas geralmente mantêm departamentos internos, estabelecidos de maneira independente ou inseridos no organograma do marketing. Outras optam por trabalhar com agências e/ou profissionais autônomos terceirizados. Muitas empresas pequenas e médias infelizmente contratam um Visual Merchandiser esporadicamente e não acreditam muito no resultado efetivo do trabalho. Mas esse cenário já começou a mudar e tende a se transformar rapidamente.
Por ultimo, mas não menos importante, fique por dentro das possibilidades de ganho! Segundo o site Carreira Fashion a média salarial no Brasil (isso pode variar de acordo com a região) vai de R$ 2.390,65 para auxiliar / assistente; R$ 3.380.57, para um profissional pleno e chega a R$ 9.238,15 para cargos de coordenação e gerencia.

E aí, gostou?! Compartilhe!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s